Mortal Kombat Legacy: ótima versão do game para as telinhas

Publicado: maio 4, 2011 em Séries, TV
Tags:, , ,

Confesso que acho bacana a adaptação cinematográfica do game Mortal Kombat, de 1995, que foi concebida pelo até então desconhecido diretor Paul W. S. Anderson (quando este ainda assinava apenas Paul Anderson) e estrelada por gente do naipe de Christopher Lambert (o eterno Connor McLeud, de Highlander), Robin Shou, Cary-Hiroyuki Tagawa (sempre como o vilão asiático dos títulos hollywoodianos) e Talisa Soto (linda). Este filme, apesar da total falta de substância e coerência, é um retrato perfeito do jogo que o deu origem. Ou seja, não faz sentido algum no quesito realismo, contudo funciona perfeitamente como uma fantasia. E é a partir deste ponto (realismo x fantasia) que quero me ater para comentar sobre a websérie Mortal Kombat Legacy, que foi lançada com o objetivo principal de divulgar o novo jogo da série Mortal Kombat que está prestes a ser lançado, mas que cresceu mais de que sua pretensão principal virou um grande sucesso virtual, abriu os olhos da Warner (detentora dos direitos do jogo e da série) para a produção de títulos nesta plataforma e, mais do que tudo, apostar na desconstrução mítica da série através de uma revisitação da obra, agora através de um olhar com ênfase no realismo (devida as proporções, é claro).

Ao contrário do filme, sua continuação e antiga série de TV produzida no final dos anos 1990, este projeto comandado à princípio de forma independente pelo escritor, produtor e diretor Kevin Tancharoen (veja o excelente curta Mortal Kombat Rebirth – talvez ainda melhor do que os que saíram até agora desta série oficial – produzido pelo mesmo que fez a Warner oferecer o projeto ao mesmo) procura contextualizar os caricatos personagens do jogo num ambiente verossímil, adaptando suas personalidades e características a um mundo ligeiramente próximo do nosso. E, através dessa aproximação, Tancharoen acrescenta diversas passagens da “mitologia” de Mortal Kombat durante o andamento da série. Foram disponibilizados até o momento três episódios, cada um com cerca de 7 a 8 minutos de duração e, neles, conhecemos um pouco do trabalho dos detetives Jax (Michael Jai White, que viveu o personagem de histórias em quadrinhos Spawn, na adaptação cinematográfica), Stryker (Tahmoh Penikett) e Sonya Blade (Jeri Ryan), que estão à caça do violento criminoso Kano (Darren Shahlavi). A trama é introduzida nos dois primeiros episódios, onde são mostradas e/ou sugeridos diversas características dos personagens que existem nos games, contudo de maneira realista (na medida do possível), tendo o cuidado de não abraçar a caricatura na construção desses elementos. Dentre eles, destacam-se a perca do olho direito de Kano (e sua futura substituição), o acidente na espinha e nos braços de Jax (o que sugere o vindouro implante cibernético), além de explorar bastante as cenas de combate, sem recorrer ao artificialismo plástico (como ocorre no filme original, por exemplo).

O terceiro episódio nos apresenta o personagem Johnny Cage (Matt Mullins). Não vou me deter a trama, pois a mesma deve ser conferida e não ilustrada. Contudo, devo destacar a forma utilizada neste episódio. Num misto de documentário com narrativa padrão, Tancharoen consegue transpor toda a “carga dramática” do personagem durante pouco mais de 8 minutos de projeção, além de encaixar um gancho magistral para aqueles que curtem o universo de Mortal Kombat, com a visita de uma enigmática figura que (finalmente) convida o personagem para uma “aventura” jamais vista pelo mesmo. E, com o término deste capítulo, finalmente é destacado, principalmente para os não iniciados na mitologia do game, o que afinal seria esse Mortal Kombat.

Kano ou Terminator?

Em breve, comentarei acerca dos demais episódios (serão 10 no total).

:: Links ::

Mortal Kombat LegacyWikipedia (Inglês);

Episódios Legendados (YouTube);

Site Oficial: Machinima.com

Mortal Kombat Rebirth: Wikipedia (Inglês);

Curta (Legendado em Português);

Kevin TancharoenIMDB;

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s